segunda-feira, 5 de maio de 2008

Vários poemas

Feitos por mim

Poema do meu quarto

O meu quarto é tão bonito
com mobílias e televisão
E até tem uma secretária
Ai mas que confusão.

Poema da mãe

A minha mãe é tão querida
Tão alegre e brincalhona
E este poema é para ti
Minha mãe trapalhona.

Poema do Marinheiro

Um dia, eu vi num barco
Um senhor marinheiro
E perguntei-lhe o que estava a fazer
E disse-me que estava à arranjar dinheiro

1 comentário:

Gabia disse...

Que poemas lindos!!!!
Que lindo blog.Parabens!!